Vêneto – comune Castelfranco Vêneto

 

“Pela estrada a fora, eu vou bem sozinha”……e feliz da vida, afinal, vou pisar pela primeira vez no solo em que meus antepassados pisaram!!!

Rumo ao Comune de Castelfranco Vêneto!

Vejam só a estrutura: ciclovia ligando as cidades!

Vejam só a estrutura: ciclovia ligando as cidades!

Nem falei ainda, mas, meu bisnono é um FURLAN.

Chama-se Floriano Furlan, filho de Pasquale Furlan e Luigia Fraccaro.

Nasceu em maio (meu mês) de 1880, em Castelfranco Vêneto, província de Treviso.

Com 2 anos de idade, veio para o Brasil com seus pais. E aí começa uma outra história que contarei mais adiante, pois, eles, assim como tantos outros italianos, saíram de Treviso na Itália e construíram Treviso em Santa Catarina, Brasil. Trouxe comigo inclusive um livro escrito por uma historiadora lá de Treviso/SC. Só lendo para ter uma noção do desenrolar desta saga.

Voltando à bicicleta, onde eu mais parava que pedalava porque queria fazer foto de tudo no caminho – flores, casas, oliveiras, placas – eis que surge a indicação:

IMG_1711

 

E o coração começou a acelerar!

Logo à frente, uma nova inscrição que denominava a cidade:

IMG_1725

 

A cidade da esperança” achei lindo isso!

Localização privilegiada, próxima de tantas outras grandes e belas cidades!!!

IMG_1728 

E foram aparecendo cenários de “tirar o fôlego” nesta cidade fortificada da idade média, com suas muralhas de 17m de altura e 1,70m de espessura

IMG_1913 IMG_1899 IMG_1883 IMG_1879 IMG_1877 IMG_1821

Fosso de água transparente em volta

 
 
Fosso de água transparente em volta

IMG_1792 

Mais e mais casarios me impressionavam, tamanho a beleza!

IMG_1757

IMG_1842

 

Passeando por dentro das muralhas de Castelfranco, datadas do século XII e preservadas quase que integralmente, surge a imponente Catedral:

IMG_1925 

Em frente, a estátua de Giorgione de Castelfranco, que foi para a pintura de Veneza o que Leonardo da Vinci fora para Florença.

Somente entrei rapidamente na catedral.

Preciso retornar para ver detalhadamente, e também, entrar em tantos outros lugares desta bela città!

 

2 Comentários

  1. Que lindo relato! Lugar muito bonito também!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *